Experiência imersiva: o que é, e como funciona

A ampla concorrência pela atenção da audiência exige uma nova postura por parte das empresas e marcas. Mais do que oferecer uma solução, produto ou serviço de qualidade, é preciso fazer um trabalho de encantamento do público.

A tarefa começa com a criação de experiências de conteúdo e deve se estender até, por exemplo, ações que proporcionem experiências imersivas.

Como o nome já indica, são táticas que permitem o consumidor ter uma visão nova de algo que talvez ele já conheça. Uma empresa que produz sucos pode levar os seus produtos para degustação, mas isso já é utilizado.

Por que não levar essa prova para um outro patamar? Que tal apresentar cheiros que remetam aos sabores das suas bebidas?

Esse é apenas um exemplo do que pode ser uma experiência imersiva. Para entender tudo o que está por trás desse conceito tão importante, preparamos este artigo sobre o assunto.

O que é experiência imersiva?

Antes de se aprofundar nas opções e estratégias que podem ser exploradas a partir desse conceito, é importante entendê-lo. A experiência imersiva representa qualquer ação de uma marca que vise criar um ambiente inédito e ilusório para a sua audiência.

O objetivo é fazer com que o participante da ação se sinta parte do que está sendo apresentado e use os seus sentidos para explorá-la.

Em um momento em que a experiência do usuário é um assunto cada vez mais importante, criar formas para se comunicar com o público é fundamental.

Mais do que a qualidade do que compõe o portfólio da sua empresa, é preciso atrair, cativar e conquistar a audiência. A boa notícia é que existem muitas formas de explorar a experiência imersiva em seu planejamento.

Com a transformação digital, já é muito mais fácil melhorar a experiência oferecida ao seu consumidor. A seguir, confira algumas das opções.

Realidade Virtual (VR)

Com o uso de um óculos específico para isso, o usuário passa a enxergar apenas uma realidade diferente. Áudio e vídeo são virtuais e podem levar o participante da experiência para qualquer lugar.

Por que não apresentar a fábrica da sua empresa com um tour virtual, por exemplo? As aplicações são as mais variadas com essa tecnologia em mãos.

Realidade Aumentada (AR)

Outra opção muito interessante é a realidade aumentada, que pode criar uma experiência visual diferente dentro de um ambiente real. Imagine poder pintar as paredes do seu quarto com as mais variadas cores sem usar um pingo de tinta?

A partir dessa tecnologia, a câmera de um smartphone pode simular as cores em cada parede, tornando a experiência do cliente ainda melhor.

Projeção

E se você pudesse utilizar a fachada de um prédio na região central de uma cidade para exibir uma ação única para os consumidores? Apesar de não ser uma tecnologia tão nova, as projeções são muito usadas como complementos para a criação de experiências imersivas.

Quando o áudio também é explorado, a experiência pode ser mais atrativa e única para os usuários.

Como a experiência imersiva funciona?

A experiência imersiva precisa colocar o usuário em um local em que ele não está acostumado. A ideia é tirá-lo da sua zona de conforto ao oferecer algo que não é usual. Muitas vezes, a partir da tecnologia é possível criar algo exclusivo para impactar a audiência.

A experiência imersiva vai fazer com que o participante tenha uma visão diferente da sua marca. Mais do que um produto ou serviço, a sua empresa é uma provedora de experiências. E quando são bem-feitas, elas podem criar laços duradouros com o seu público.

Como usar a experiência imersiva no marketing?

Afinal, como a experiência imersiva pode ser aplicada no marketing? Conhecido como marketing experiencial, também pode ser muito útil para fortalecer a presença da sua marca.

Confira!

Eventos

As experiências imersivas também são muito usadas em eventos presenciais. A ideia é tentar conquistar o usuário ao oferecer algo que não pode ser encontrado com a sua concorrência.

Em vez de apenas oferecer a degustação de um produto, por que não mostrar como ele chegou até as mãos do consumidor? Contar um pouco da sua história com a realidade virtual pode ser uma ótima ação.

Apresentação de benefícios

Já pensou se você pudesse apresentar os benefícios das suas soluções de forma diferente? A realidade aumentada pode ser um exemplo disso.

Com a câmera de um smartphone, o usuário pode visualizar uma planta de um apartamento até então vazia com os móveis de decoração vendidos por uma loja, por exemplo. Permitindo que ele simule arranjos e posicionamentos.

  • Share:

Leave a Comment

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href=""> <abbr> <acronym> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Título
Open chat
Precisando de ajuda?